Me siga pelo email - Follow by Email

sábado, 7 de maio de 2011

Tenho Saudade

Tenho saudade de quando você andava à pé, e pelo caminho roubava rosas ou qualquer florzinha e trazia pra mim, de quando existia uma lanchonete famosa (que esqueci o nome) no meio do caminho, e pelo menos 2 dias da semana você me trazia de Presente um chocolate Sensação, aquele que você sabia que era o meu preferido, tenho saudade de quando a gente saía andando por aí, cansados, mas havia cumplicidade, havia papo, havia o que conversar pelo caminho, saudade de tudo.. pra canto que olho, tem uma história nossa, pra cada história nossa, tem uma reação sua, pra cada foto que vejo, uma lembrança destes muitos anos, dessas muitas histórias, não há passagens da minha vida onde você não esteja, tenho saudades de você, do seu carinho.. Tenho vontade de ter um colo pra correr, não gosto de ser tão resolvida e independente, queria ser cuidada por algum momento, não o tempo todo, mas por algum momento, não aguento mais essa armadura de 'auto-suficiência', de passar o rótulo 'eu aguento', 'sou forte', EU NÃO QUERO MAIS SER FORTE (isso foi um grito sim!), essa brincadeira de ser gente grande e ter que entender as coisas, machuca, eu não quero mais ser sozinha, não quero mais entender nada, não quero mais pedir um sanduíche pra comer sozinha num sábado à noite, não quero mais passar sextas, sábados e domingos sozinha. Você está me entendendo? Ou quer que eu desenhe?? Não é fácil. Pra você que não vive de distância como eu, deve achar que tudo é tãããooo fácil, que tudo é tãããooo normal, mas meu caro, não é. Você acha fácil ficar longe de quem gosta? Você acha justo ver uma juventude passando e você ali dentro do seu quarto esperando ele chegar pra que você viva pelo menos um fim de semana por mês?? Isso, Quando ele resolve não vir dentro dos próximos quatro meses. Me fala, você no meu lugar, já não teria chutado o balde?? Definitivamente, não há dinheiro que pague, o que a distância acaba. Não há sentimento grande e duradouro de mil anos que aguente. A distância acaba com tudo. E o que é pior, acaba aos poucos com os personagens principais da história..

"Tentando ouvir o som do próprio grito."
(Vander Lee)


Embaços de mais um sábado à noite, sozinha e distcutindo relação, por telefone, claro.



Vanessa Lopes

.

Nenhum comentário: